Beterraba crua

Há legumes que são tão firmemente incluídos em nossa dieta que quase não pensamos sobre o impacto - positivo ou negativo, que eles têm no corpo humano. Uma dessas questões controversas é o benefício e o dano da beterraba crua. Vamos nos familiarizar com o nosso velho amigo mais perto!

Cantos e raízes

Os benefícios e malefícios das beterrabas cruas

As beterrabas foram cultivadas em 2000 aC e, mesmo assim, os assírios e persas sabiam da propriedade milagrosa dos vegetais para melhorar a digestão. Só agora eles não comem a raiz vegetal, mas os topos. Séculos se passaram e, como é frequentemente o caso, absolutamente por acaso, uma pessoa experimentou a raiz doce. A partir deste momento, uma nova rodada na história do vegetal começou. A beterraba era usada não apenas como um produto alimentício, mas também na cosmetologia: garotas jovens esfregavam as bochechas com um pedaço de raiz para dar um rubor no rosto. Mas, como remédio, a beterraba era considerada uma ferramenta eficaz para:

  • despertar do apetite;
  • melhorar o humor;
  • limpeza intestinal.

Propriedades úteis da raiz

Os cientistas modernos, considerando questões relacionadas aos benefícios e malefícios da beterraba crua para o corpo, observam que o primeiro, é claro, mais. A raiz doce tem um efeito benéfico em:

  • Gastrointestinal, removendo toxinas;
  • vasos, tornando-os mais elásticos;
  • células sanguíneas, enriquecendo-as com oxigênio e aumentando os níveis de hemoglobina;
  • o sistema urogenital, aumentando o desejo sexual em homens e aliviando a dor durante a menstruação em mulheres;
  • o sistema nervoso que recebe com o legume a quantidade de magnésio necessária para o seu funcionamento normal;
  • imunidade, aumentando o nível de resistência do organismo a infecções e vírus.

Estas propriedades verdadeiramente miraculosas da raiz são explicadas por um conjunto único de oligoelementos e minerais:

  • vitaminas C, A, PP, grupo B;
  • iodo - para o funcionamento adequado da glândula tireóide;
  • ferro - para prevenir anemia;
  • boro, cobre, potássio, zinco, que ajudam a reduzir a pressão arterial e normalizar o trabalho do coração;
  • cálcio e potássio na concentração correta - para remover sais de metais pesados ​​das células do corpo;
  • pectinas - para eliminar toxinas;
  • Celulose - para limpar os intestinos.

Beterraba crua: os benefícios e danos

Além disso, estudos recentes mostraram que pratos crus de beterraba incluídos no cardápio regular podem proteger contra certos tipos de câncer.

E, claro, não devemos esquecer que, apesar da presença de açúcar natural, o vegetal Borgonha é um produto dietético. O teor calórico da beterraba crua é de apenas 40 calorias. Portanto, os nutricionistas recomendam a introdução obrigatória de pratos da raiz na dieta de pessoas que sofrem de excesso de peso.

Quando a beterraba se torna um inimigo?

A sabedoria mundana "Melhor é menos, mas melhor" é muito adequada para descrever os efeitos negativos das raízes na saúde humana. O fato é que todas as conseqüências desagradáveis ​​de seu uso estão diretamente relacionadas à quantidade exorbitante de vegetais ingeridos. Especialmente você deve ter cuidado se tiver:

  • tendência à colite, azia e hemorragia interna (vegetais frescos atuam como uma escova e podem danificar a superfície mucosa do trato digestivo);
  • alergia (devido ao alto conteúdo de nutrientes ativos, edema nasofaríngeo, urticária, linfonodos podem ocorrer);
  • doença cardíaca (os cardiologistas insistem que a beterraba em grandes quantidades, e mais ainda em combinação com o alho, sobrecarrega o sistema vascular);
  • pedras nos rins (pesos salinos e aumenta essas formações);
  • diabete, obesidade (até o conteúdo mínimo de açúcar pode causar complicações no decorrer de tais doenças).

E ainda: tenha em mente que as beterrabas podem, como uma esponja, absorver todas as substâncias nocivas do espaço circundante. Portanto, você não deve comprar vegetais cultivados em áreas ambientalmente poluídas.

Cru vs cozido

Salada de beterraba crua

A disputa sobre qual beterraba é mais útil - cru ou fervida, em princípio, não tem base e, sim, diz respeito às preferências gastronômicas. E tudo porque a cultura da raiz Borgonha é um vegetal único que mantém todas as vitaminas e oligoelementos úteis após o tratamento térmico. É verdade que, em sua forma bruta, contém mais nitratos e ácidos de frutas, que podem irritar o trato digestivo. No produto cozido, estas substâncias são transferidas para o caldo. Portanto, em caso de problemas com o trato gastrointestinal ou para alimentar as crianças, é melhor ferver as beterrabas.

Beterraba cozida

Como comer?

Sopa de beterrabaSalada de beterraba

Com todos os benefícios de uma raiz brilhante, nem todos podem comê-lo em sua forma pura. Portanto, os nutricionistas recomendam cozinhar:

  • bebidas;
  • saladas;
  • sopa de beterraba.

Suco De Beterraba Fresca

Suco fresco pode ser misturado com cranberry, maçã, limão, suco de cenoura e mel como adoçante. Apenas tenha em mente que a bebida de beterraba deve ser deixada em repouso por algumas horas antes do uso. E mesmo neste caso, é melhor diluir com água 1: 1. Quanto às saladas, o alho é considerado o parceiro tradicional das beterrabas nesses pratos. Você também pode adicionar queijo (duro, queijo), ovos cozidos, carne (por exemplo, filé de frango) e verdes para um aperitivo. A peculiaridade da sopa de beterraba é que a decocção em que o vegetal de raiz foi cozido é usada como base líquida. Como no caso do suco, o produto é muito concentrado, por isso recomenda-se diluí-lo com água.

Os benefícios e malefícios da beterraba crua têm muitos aspectos que precisam ser considerados antes de introduzir um legume de raiz em sua dieta. Mas se você decidir comê-lo regularmente, preste atenção às opções de combinar vegetais com outros produtos. Eles abrem as possibilidades inesgotáveis ​​de cozinhar delícias culinárias deliciosas e saudáveis.

Adicionar um comentário