Meningite

Apenas algumas décadas atrás, o diagnóstico de meningite era uma espécie de sentença para as pessoas. Atualmente, esta doença é perfeitamente tratável, o mais importante, se você tiver sintomas primários, entre em contato imediatamente com a clínica. As razões do desenvolvimento de tal patologia são diferentes. Na maioria das vezes, a doença meningite crianças e jovens, menos frequentemente ocorre na velhice, com exceção da predisposição hereditária. Neste artigo, vamos olhar para os principais aspectos da doença: o que é meningite, sintomas em adultos, como diagnosticar e curar esta doença.

Meningite: sintomas em várias formas da doença em adultos

A meningite é considerada uma doença infecciosa aguda.

A meningite é considerada uma doença infecciosa aguda. Uma vez no corpo, bactérias, vírus ou fungos infectam os tecidos moles do cérebro e da medula espinhal. Além disso, quando os processos inflamatórios de meningite ocorrem no líquido cefalorraquidiano. Esta doença afeta principalmente o sistema nervoso.

A meningite também pode ser transmitida por gotículas aéreas. Para se proteger do desenvolvimento de tal patologia, você precisa fortalecer constantemente o sistema imunológico, levar um estilo de vida saudável, comer direito, praticar esportes e abandonar os maus hábitos. Em casos raros, a meningite pode ocorrer como resultado de predisposição genética.

Especialistas em tratamento identificam vários tipos de meningite, em particular:

  • bacteriana;
  • Fungo;
  • viral;
  • protozoário;
  • misto

Também na prática médica, a meningite é classificada de acordo com a localização da doença. Então, a meningite pode ser localizada nos seguintes locais do cérebro:

  • nas meninges;
  • apenas em casca dura;
  • em concha aracnóide;
  • ao mesmo tempo em uma concha suave e aracnóide.

Independentemente das razões para o desenvolvimento da doença e da forma de sua manifestação, a meningite sempre ocorre em vários estágios. O estágio primário é considerado um período de incubação.

Como a doença se manifesta durante o período de incubação?

Meningite: sintomas em adultos durante o período de incubação

A incubação ou, mais simplesmente, o período oculto pode durar de um a dez dias. Como a prática mostra, em média, esse período não dura mais do que 5-6 dias. É nesta fase que surgem os primeiros sintomas de meningite em adultos. Os sintomas da meningite não podem ser confundidos com um resfriado comum ou outra doença viral.

Assim, na fase inicial, durante o período de incubação, a meningite se manifesta na forma dos seguintes sintomas:

  • um aumento acentuado no limiar de temperatura para 40 °;
  • tontura, que é permanente;
  • crises de náusea e vômito sem mais alívio;
  • crises abruptas e prolongadas de cefaléia, cuja natureza depende da pressão arterial e intracraniana de um adulto;
  • erupções na pele que não têm uma localização clara: após um aumento acentuado no limiar de temperatura, pontos pretos começam a se projetar através do corpo;
  • vermelhidão do revestimento mucoso das amígdalas e garganta.

Se você notou pelo menos dois sintomas claramente expressos, não se atrase com uma visita ao especialista assistente. É muito mais fácil livrar-se da doença em um estágio inicial do que nos estágios subsequentes do desenvolvimento da patologia.

Acima foram listados sintomas comuns de meningite na fase inicial. A fim de obter um quadro clínico completo do estado de um adulto, os médicos distinguem um número de sintomas (específicos), que se manifestam principalmente apenas durante a meningite. Individualmente, cada sintoma pode indicar a presença de uma doença do sistema nervoso, mas, em conjunto, eles só falam do desenvolvimento da meningite. Tais sintomas incluem:

  • músculos rígidos do pescoço e pescoço;
  • constantemente atraído no estômago, e isso é feito involuntariamente;
  • a adoção de uma postura incomum por uma pessoa: a coluna é arqueada, a cabeça inclinada para trás e, enquanto está deitada, a pessoa também pressiona os joelhos perto do estômago;
  • síndrome de palpação: ao pressionar as maçãs do rosto ou a parte externa da orelha, há uma contração aguda dos músculos e aumento dos ataques de dor.

Por muitos anos, cientistas e profissionais identificaram os principais sintomas da meningite. Eles chegaram à conclusão de que durante o desenvolvimento da meningite em humanos, a conexão entre os músculos da face e as extremidades é fortemente pronunciada. Por exemplo, ao pressionar o pescoço ou inclinar a cabeça de uma pessoa, a perna e o braço ficam esticados. Os músculos estão constantemente em tal tensão que, mesmo com o esforço de dobrar ou dobrar o membro, é quase impossível.

Sintomas de meningite viral

As razões do desenvolvimento de tal patologia são diferentes. Na maioria das vezes, a doença meningite crianças e jovens, menos frequentemente ocorre na velhice, com exceção da predisposição hereditária.

Como você já sabe, a patologia viral é considerada uma forma de meningite. Vírus de várias formas podem entrar no corpo humano por infecção por gotículas, bem como entrar no cérebro através do sangue ou da linfa. O período de incubação não dura mais de 4 dias. É nos primeiros dias de uma pessoa que o limiar de temperatura pode aumentar acentuadamente, podendo aparecer congestão nasal e tosse. Se uma pessoa tem apenas estes sintomas, então esta é uma doença respiratória comum. Mas se junto com tais sintomas você vomitar, diarreia, dores de cabeça agudas, isto pode indicar o desenvolvimento da meningite viral.

Além disso, o desenvolvimento da meningite viral, como regra, é acompanhado por uma série de sintomas:

  • sonolência;
  • deslumbrante;
  • espasmos musculares irracionais e crises de dor;
  • mal-estar;
  • dor de cabeça de intensidade variável;
  • dor de garganta severa.

A principal característica da doença da meningite do tipo viral é a postura humana. Pacientes com essa patologia, em geral, deitam-se de lado, pressionam os joelhos firmemente contra o estômago, cruzam os braços na região torácica, enquanto a cabeça inclina-se um pouco para trás. Como mostra a prática, a doença da meningite viral ocorre rapidamente. Com detecção oportuna e tratamento de patologia, tal doença pode ser eliminada em 10-14 dias.

Como reconhecer a forma serosa de patologia?

Como já mencionado, os sintomas da meningite em adultos são diferentes daqueles sinais da doença, que se manifestam em crianças de diferentes faixas etárias. Meningite serosa refere-se a uma doença viral. Esta patologia é caracterizada pelos seguintes sintomas:

  • um aumento acentuado no limiar de temperatura;
  • arrepios;
  • dores de cabeça de intensidade e duração variadas;
  • vômito frequente;
  • tontura.

Os especialistas também reconhecem a conjuntivite e o chamado triângulo branco ao redor da boca e do nariz como um dos sintomas da meningite serosa. A prática não morre de tal meningite. Se você começar a tratá-lo em tempo hábil, não haverá sinais da doença em 7 a 10 dias.

Como diagnosticar meningite?

Os especialistas também reconhecem a conjuntivite como um dos sintomas da meningite serosa.

Se, de repente, você encontrar uma manifestação de pelo menos dois sintomas, vá imediatamente a um hospital e faça um exame completo. Como regra, os especialistas de tratamento realizam vários procedimentos usando vários métodos instrumentais e de laboratório. Primeiro de tudo, uma pessoa precisa se submeter aos seguintes procedimentos:

  • amostragem do líquido cefalorraquidiano - com base na punção realizada, é realizado um estudo em laboratório e determina-se o grau e a área da inflamação;
  • uma análise de sangue (detalhada) é necessária para identificar os patógenos, bem como para determinar a tolerabilidade de cada droga;
  • é necessária uma análise detalhada da urina para avaliar o funcionamento do sistema urinário como um todo;
  • a biópsia pode ser prescrita com uma erupção cutânea intensa na pele para prevenir o desenvolvimento de outra doença;
  • a ressonância magnética é designada para identificar complicações e o desenvolvimento de processos patológicos no cérebro;
  • A ultrassonografia e a radiografia são prescritas para identificar focos de inflamação em outros órgãos internos, se houver ameaça de propagação de vírus ou bactérias.

Em casos individuais, o especialista assistente pode prescrever uma série de outros testes e procedimentos. Se forem detectadas bactérias, o médico pedirá que você faça uma análise para determinar a esterilidade do sangue.

Métodos de tratamento

Não há tratamento geral para meningite. Dependendo da idade do paciente, a gravidade da doença, sua forma e estágio, um curso individual de tratamento é indicado. Por via de regra, tratar especialistas sempre tomam drogas antibióticas, fortificadas e diuréticas como base.

Se houver evidência para um paciente com tal diagnóstico, outros procedimentos podem ser prescritos. Antibióticos são necessários para eliminar infecções e patógenos. Para aumentar a eficácia do tratamento, bem como acelerar o processo de cura, os antibióticos podem ser injetados diretamente na medula espinhal. Tais manipulações são realizadas apenas em condições estacionárias.

Para evitar a intoxicação de todo o corpo, a glicose é abundantemente injetada nos pacientes. Especialistas no campo da medicina desenvolveram uma vacina que permite que você se proteja contra a meningite. Infelizmente, não é possível encontrar tal vacina em todos os lugares, e é válida por apenas quatro anos. Concordar, é melhor vacinar uma vez a cada quatro anos do que sofrer de doença e passar por um longo curso de tratamento. Em caso de sintomas de meningite, em nenhum caso pode se automedicar. Isso está repleto de consequências complicadas, incluindo o início de um resultado letal.

A meningite é uma doença muito insidiosa e grave do tipo infeccioso. Para se proteger da aparência de tal doença, você precisa monitorar cuidadosamente sua saúde e, acima de tudo, o estado do sistema imunológico. A meningite é atualmente tratável, as mortes ocorrem extremamente raramente. Portanto, no caso de quaisquer sintomas não entre em pânico e não se desespere. É melhor tomar todas as medidas para o tratamento oportuno e a rápida recuperação.

Adicionar um comentário